Contato
Home >> Blog

Pit bull: Condições físicas, corte das orelhas, dicas de saúde e cuidados!

Cachorro pit bull marrom

Muitos consideram o Pit bull um animal dócil e amável, enquanto outros preferem manter distância por conta do medo de um possível comportamento agressivo, que muito foi atrelado a imagem dessa raça.

Entenda agora tudo o que você precisa saber sobre esse animal que divide tantas opiniões.

Características e condições físicas da raça

Cachorro da raça pit bull sentado

Fonte: Cachorro gato

Não é possível afirmar qual a origem desse animal, porém, alguns dados afirmam suas primeiras aparições na Europa, mais especificamente no Reino Unido. Algumas teorias dizem que essa foi uma raça criada através de experimentos em laboratório, visando desenvolver um cachorro com genes mais forte e agressivo, para que dessa forma fosse possível colocá-los em lutas clandestinas. Outra teoria diz que o Pit bull surgiu através do cruzamento de cachorros de raças diferentes.

Como falamos anteriormente, esse é um animal de características únicas e marcantes. Considerado um cachorro de estatura média e grande desenvolvimento muscular, o Pit bull apresenta uma presença forte. Possui uma pelagem curta podendo ser de diversas cores. Existem alguns tipos de Pit bull, sendo eles:

  • Pitbull Terrier: esse é o mais tradicional entre os animais da raça. São de porte médio, a altura média é de 48 centímetros e peso médio de 24 kg. Considerados sociáveis, dóceis e desconfiados.
  • American Bully: essa raça é o resultado do cruzamento entre as raças American Pit Bull Terrier e Bulldog Inglês. São brincalhões e considerados bons animais de estimação para família, com a altura média de 50 centímetros e peso médio de 50 kg.
  • American Staffordshire Terrier: possuem altura média de 46 centímetros e peso médio de 27 kg. São animais apegados aos donos, amigáveis e precisam de espaço para correr.
  • Staffordshire Bull Terrier: são animais carinhosos e leais aos donos, gostam de crianças e precisam de espaço para se movimentarem. A altura média é de 40 centímetros e o peso médio é 15 kg.
    A expectativa de vida de um Pit bull fica entre 13 e 16 anos, mas isso depende da condição de saúde do animal.

Personalidade e convivência com animais e pessoas

Pet com língua para fora

Fonte: Royal pets

O Pit bull leva um título de agressivo por muitas pessoas que não conhecem a raça, porém, isso não é verdade, a personalidade do animal depende da forma que ele é tratado. Muitos donos relatam que o Pit bull é carinhoso, familiar, adoram brincar e possuem um ótimo relacionamento com crianças.

Podem estranhar outros animais e pessoas de fora do convívio, mas novamente isso depende dos cuidados que o tutor tem com o cão, geralmente, são animais que tem uma boa convivência com outras pessoas. A relação com outros animais depende da forma que foram criados, se estão juntos desde filhotes, dificilmente terão problemas de convivência.

Corte na orelha do Pit bull

Pit bull com orelha cortada

Fonte: Adoro pets

O nome do procedimento que corta as orelhas do animal é conchectomia, geralmente realizado nos primeiros meses de vida do bichinho, o objetivo é apenas estético.

Em suma, não existe comprovação científica afirmando que o procedimento é eficaz e benéfico para o animal, na verdade, essa prática é condenada por muitos profissionais.

Existe a chance de causar infecção, sangramento e pode levar o cãozinho a morte. Portanto, cortar a orelha do animal é crime, o veterinário que aceita fazer esse procedimento pode ter seu registro suspenso.

Doenças comuns

Pet com cordão

Fonte: Patas da casa

É comum que alguns animais sejam mais propensos a desenvolver certas doenças dependendo de sua raça, como é caso do Pit bull, a maioria delas são hereditárias. As mais comuns, são:

  • Displasia de quadril: essa doença é uma má formação que acomete os ossos do quadril, é hereditária, não tem cura, porém, se diagnosticada cedo pode ajudar no tratamento e melhorar a qualidade de vida do animal.
  • Hipotireoidismo: nessa doença a produção de hormônio não é suficiente no animal, pode ser hereditária ou não, e tem tratamento.
  • Alergias: é comum que algumas alergias acometam o Pit bull, poder ser por algum produto que a pele do animal teve contato ou até mesmo pela grama, é possível tratar essa doença.

É muito importante levar os animais para consultas de rotina no médico veterinário, para avaliar possíveis alterações na saúde do animal e manter o calendário de vacinação em dia.

 

+Veja também Vacina antirrábica: Porque é importante para pets e humanos!

 

Cuidados básicos com a raça pit bull

Pit bull filhote

Fonte: Web cachorros

  • Escovação de pelos: é benéfico para qualquer animal, ajuda na retirada de pelos mortos e no crescimento de novos.
  • Banho: a quantidade de banho será definida pelo médico veterinário que acompanha o animal, porém, é muito importante manter ele em dia e utilizar os produtos de higiene corretos para pele do bichinho, de modo a evitar alergias.
  • Unhas: manter sempre as unhas bem cortadas e limpas.
  • Dentes: é importante se atentar aos dentes do cãozinho também, sempre fazendo a escovação com os produtos indicados pelo profissional.

 

+Veja também Dentista para cachorro: Porque devemos cuidar da saúde bucal do pet!

 

O Pit bull é um animal que precisa de espaço para correr e se movimentar, é essencial que o tutor faça passeios com o pet e tenha um espaço disponível para essas atividades.

Antes de ter um bichinho, é importante saber os cuidados necessários, por isso, compartilhe essas informações com alguém que está pensando em adotar ou comprar um Pit bull.

 

Portanto, se gostou do artigo compartilhe para que mais pessoas tenham acesso a essas informações!

S.O.S. CÃOpanheiros

É uma ONG criada em Dezembro/99, CNPJ: 07.661.890/0001-21, com o propósito de acolher cães de rua que estejam em estado crítico de saúde, extremamente debilitados ou em situação de risco.

SAIBA COMO NOS AJUDAR!

Inscreva-se como associado do S.O.S. Cãopanheiros ou pelo telefone (021) 99766-1180. Passe a receber as noticias e contribuir para a ONG, efetuando depósito mensal em uma de nossas contas.