Contato
Home >> Blog

Dálmata: Características e algumas curiosidades da raça!

Cachorro dalmata

Cachorro branco com manchas pretas, não há quem não conheça a raça Dálmata. Até porque se tornou tão famosa, principalmente, devido ao filme 101 Dálmatas.

No entanto a fama gerada com o lançamento do filme não é o único motivo, mas também sua própria personalidade amigável, companheira, fiel e protetora, assim como o Pastor Alemão.

Com pescoço e tronco fortes e musculosos, a raça Dálmata teve diversas funções durante todos os anos de existência. De modo a não ficar sem uma profissão. Conheça tudo sobre esse cachorro e entenda por que ter um.

 

+Veja também Pastor alemão: Entenda porque essa raça é conhecida como protetora!

 

Condições físicas da raça Dálmata

Cachorro na grama

Fonte: Mundo pet

Embora outros cães tenham sua origem compreendida ou mesmo adivinhada por meio de várias teorias, o cachorro Dálmata não tem local e data definidos. Seu nome vem da região Dalmácia, da Croácia, porém provavelmente não é onde nasceu a raça.

  • Origem: Indefinida;
  • Família: sabujos farejadores e raças assemelhadas;
  • Pelagem: branca, curta, dura e lisa com manchas pretas ou marrom escuro em formas arredondadas bem definidas;
  • Altura: varia de acordo com o gênero, sendo 58cm a 61cm, aos machos. E 56cm a 58cm, às fêmeas;
  • Peso: os machos pesam cerca de 15kg a 32kg. Enquanto as fêmeas, 16kg a 24kg;
  • Expectativa de vida: em média, vivem de 12 a 14 anos.

A expectativa de vida do animal irá variar de acordo com a forma como você o cuida. Visto que a raça Dálmata é propensa à algumas doenças. Apesar disso, quando bem tratado, vacinado e acompanhado em check ups, esse pet será saudável sempre.



Temperamento do animal: Socialização, inteligência e obediência

Dalmata

Fonte: Raças de cachorro

Quem já assistiu ao filme 101 Dálmatas, da Disney, sabe bem como é o comportamento de um cachorro dessa raça. O Dálmata é ativo, divertido, brincalhão e impaciente.

Se você deseja um cão desses, saiba que precisará ter muita energia, tempo e disposição para gastar com brincadeiras, passeios e atividades físicas diárias. Portanto ele será um ótimo parceiro de corridas a quem curte praticar exercícios.

Os bichos de estimação dessa raça costumam ser inteligentes e obedientes, porém teimosos. De modo que, embora aprendam rapidamente, necessitam de reforço positivo para realizar algum comando. Contudo esse benefício não precisa ser oferecido apenas na forma de petiscos, mas também de brincadeiras. Já que é um animal extremamente animado.

Referente à socialização desse pet, passeios frequentes ajudará os filhotes de Dálmata a se acostumar com as pessoas e a se dar bem com outros animais. Isso porque uma característica comum da raça é a desconfiança.

Caso você siga todas essas dicas, o seu Dálmata não será destruidor e muito menos bastante agitado. Desde que você gaste suas energias com as atividades corretas.

Saúde e cuidados específicos da raça

Cachorro

Fonte: Cães animais info

Devido aos diversos cruzamentos que ocorreram para o surgimento do atual Dálmata que conhecemos, essa raça possui propensão a várias doenças genéticas. Sendo as mais recorrentes: surdez e cálculo renal que torna problemático a metabolização do ácido úrico.

Além disso, pode apresentar displasia no quadril, semelhantemente ao Pastor Alemão, e ter alguns probleminhas com o frio. Pois sua pelagem é muito curta e não o aquece durante mudanças bruscas de temperatura.

 

+Veja também Cuidados com animais no inverno: Dicas para cuidar melhor do seu pet!

 

Alguns cuidados que você deve ter com o seu pet são:

  • Manter o seu cachorro aquecido em dias frios, fornecendo um local onde não haja passagem de vendo e alguma coberta;
  • Dar banhos mesmo que seja difícil. E será, já que essa raça não é uma grande fã de banhos;
  • Adestre o seu cão de forma diferente, caso ele esteja na condição de surdez. Pois isso também será incômodo ao seu pet, mas com um bom treinamento, ele pode se acostumar e ter uma vida feliz;
  • Limpe as orelhas dessa raça com frequência e esteja atento.

Além dessas sugestões, faça o que sempre é recomendado a todos os animais. Ou seja, vacinação a partir do segundo mês de vida, além das consultas com o médico veterinário uma vez ao ano, vermifugação, escovação frequente de pelos e dentes e corte das unhas.

Os dentes devem ser escovados diariamente, de modo que não haja o aparecimento de doenças dentárias.

Curiosidades sobre Dálmata

Cães brincando no gramado

Fonte: Petlove

Conhecer um ser vivo vai muito além das suas características físicas e comportamentais, uma vez que todos são mais complexos que isso.

Logo, entender mais a fundo sobre a raça, pode nos ajudar a compreender sua história.

Funções

O Dálmata nos dias de hoje pode ser considerado um cão de guarda. No entanto já teve como cargos: cão de briga, pastor, caçador de ratos, tração e cão de circo.

Apesar disso, o que mais se mostrou útil foi a função de cães de carruagem, na Inglaterra Vitoriana. Nesse trabalho, diversos cães acompanhavam os cavalos que conduziam a carruagem, os protegendo de outros animais que ousassem atacá-los.

Algo que não durou para sempre, visto que as carruagens foram substituídas por automóveis. Porém os Dálmatas não deixaram de ser úteis, uma vez que passaram a estar ao lado dos bombeiros.

Inteligência do Dálmata

Para provar que o Dálmata é uma raça inteligente, podemos citar a informação oferecida pelo Stanley Coren, autor de A Inteligência dos Cães. Este que estudou 79 raças e as enumerou, deixando o cachorro com manchas pretas em 39º lugar no ranking de mais inteligente do mundo.

Sendo assim, você também deve tomar conta para que isso seja desenvolvido, dando alimentação moderada e equilibrada a partir dos 30 dias de vida do animal.

Cães semelhantes

Não temos como dizer que apenas o Dálmata é uma raça divertida, brincalhona, inteligente e atenta. Outros mais que podemos indicar são: Dogue Alemão, Pointer e Beagle.

 

+Veja também Cão beagle: Conheça as vantagens e curiosidades da raça!

 

Algumas informações citadas nesse artigo podem deixar muitas pessoas temerosas sobre ter esse cachorro. Entretanto, com muito cuidado, carinho, amor e atenção o Dálmata viverá bem, seguro e feliz. Então se essa é uma opção, não descarte. Pense com carinho sobre a alegria que essa raça pode te dar.

S.O.S. CÃOpanheiros

É uma ONG criada em Dezembro/99, CNPJ: 07.661.890/0001-21, com o propósito de acolher cães de rua que estejam em estado crítico de saúde, extremamente debilitados ou em situação de risco.

SAIBA COMO NOS AJUDAR!

Inscreva-se como associado do S.O.S. Cãopanheiros ou pelo telefone (021) 99766-1180. Passe a receber as noticias e contribuir para a ONG, efetuando depósito mensal em uma de nossas contas.