Contato
Home >> Blog

Cachorro vegano: Prós e contras desse tipo de alimentação!

Cachorro carregando cenouras na boca

Você é adepto do veganismo e deseja ter um cachorro vegano? Mesmo que sua resposta seja não, provavelmente você está à procura de uma dieta mais saudável para o seu pet e é sobre isso que iremos falar.

A vertente vegana existe desde 1944, porém tem se tornado comum no mundo animal apenas em 1960. Com a descoberta de Bramble, um cachorro que viveu 27 anos, devido à alimentação à base de arroz, lentilha e vegetais.

Assim como Bramble, seu cão pode se tornar vegano e possuir uma saúde de ferro. Contudo é importante o aconselhamento do médico veterinário. Isso porque, da mesma forma que pode ser benéfica, a dieta vegana pode trazer complicações. Portanto confira algumas informações nesse artigo e tire sua dúvida sobre a influência desse movimento no seu animal de estimação.

Como funciona esse estilo de vida para cachorro vegano

Dog comendo ração vegana Fonte: Petz

Embora semelhantes, vegetarianos e veganos são diferentes em alguns aspectos. Sendo assim, quando nos tratamos por vegetarianos, mencionamos a dieta vegetariana voltada à abolição da carne nas refeições.

Enquanto o veganismo é um estilo de vida que elimina todo produto de origem animal do seu dia a dia, como forma de lutar contra a exploração. De modo que, em sua vida, a carne é apenas uma de muitas outras exceções, como: ovos, leite de vaca, couro, entre outros produtos derivados.

Em muitos casos, as pessoas pensam que como os humanos se adaptam bem a dieta, muitos pets também são capazes. Entretanto há uma pequena diferença, já que nós somos seres onívoros e os cães são, naturalmente, carnívoros. Algo comprovado pelos seus grandes dentes caninos, intestino curto e flora intestinal distinta.

Dessa forma, para que seu bichinho de estimação seja vegano, é preciso consultar um médico veterinário especialista em nutrição animal, para que não haja carência de alguns nutrientes necessários ao corpo do seu pet.

Após essa etapa, serão indicadas as rações adequadas ao seu cão. Essas que deverão ser inseridas aos poucos no cardápio do seu animal de estimação. Por fim, na maioria das situações, os donos optam por fornecer alimentos naturais e de origem vegetal.



Cachorro vegano: vantagens e desvantagens

Cachorro se alimentando com ração natural Fonte: Petz

Aos animais de estimação, tanto cães quanto gatos, é possível a introdução do estilo vegano. No entanto, aos felinos, não é muito recomendado. Já que pode causar perda da visão e originar problemas cardíacos.

Sendo assim, não é incomum que haja desvantagens a respeito do veganismo aos animais. Dentre eles, você poderá perceber: diminuição de brilho do pelo do seu pet; problemas intestinais, cutâneas e urinárias; fraqueza; tumores; catabolismo (proteína dos músculos é utilizada pelo corpo para adquirir energia); e retenção de líquidos.

Todos esses males podem ser gerados devido ao déficit de vitaminas e nutrientes encontrados apenas em alimentos de origem animal. Apesar disso, seu bicho de estimação pode adquirir essa dieta alimentar. Visto que esses elementos podem ser produzidos em laboratório.

Seguindo apropriadamente a dieta vegana, de acordo com aconselhamento médico, seu cachorro vegano pode ser saudável e ter uma ótima qualidade de vida. Podendo ter a vida prolongada.

Dessa maneira, embora você já conheça os contras, talvez os prós te convençam de adotar esse estilo de vida ao seu animal. Pois tem como vantagens:

  • Alimentação natural, segura e saudável;
  • Melhora em problemas de pele;
  • Manter o coração mais saudável;
  • Evitar obesidade e distúrbios digestivos;
  • Lutar contra a exploração e sofrimento animal.

O movimento vegano é sugerido apenas aos cães saudáveis, não sendo filhotes ou idosos, pois pode ocasionar doenças e falta de nutrientes essenciais.

Rações veganas para cachorros

Pet com pote de ração vegana Fonte: Raças cachorros

Tornar um cachorro vegano, pode ser difícil a primeiro instante. Porém não é impossível, visto que, assim como qualquer outro hábito, deve começar progressivamente. Com a indicação do médico veterinário do seu cão.

Logo, deverá ser realizada a troca de ração vegana aos poucos:

  • No primeiro e segundo dia da mudança de hábito, ofereça 75% da ração comum e 25% da vegana;
  • No terceiro e quarto dia, dê 50% de cada ração;
  • No quinto e sexto dia, diminua mais a ração comum. Fornecendo 25% da ração comum e 75% da vegana;
  • No sétimo dia, passe a alimentar apenas com ração vegana.

A ração vegana é totalmente livre de alimentos de origem animal. Além disso, contém produtos naturais compostos por nutrientes, amnoácidos, proteínas e vitaminas capazes de nutrir 100% das necessidades do seu pet.

Apesar disso, sempre observe a reação do seu cachorro à essa alteração. Isso porque alguns animais de estimação não se adaptam bem, apresentando os males dessa dieta.

Alimentação natural

Cachorro olhando para cima Fonte: Canal do pet

Não apenas rações veganas, mas também a alimentação natural é desejada por muitos donos. Uma vez que garante a retirada de substâncias químicas da vida do seu cachorro.

Contudo nem todos os alimentos são indicados e suprem as necessidades físicas do seu animal de estimação. Dessa forma, é importante conhecer comidas que seu cão pode ou deve comer durante a alimentação natural.

  • Verduras: cenoura, alface, pepino, abobrinha, batata, mandioca, couve-flor, espinafre, repolho, batata-doce;
  • Frutas: maçã, manga, morango, pera, mamão, ameixa, caqui, coco, pêssego, melão, cereja, figo, kiwi;
  • Suplementos: iogurte natural (sem açúcar), gengibre, orégano, salsa, aloe vera, dente de leão, alecrim, azeites vegetais, algas marinhas, manjericão;
  • Biscoitos veganos caseiros.

 

Proporcionar uma vida saudável, bem-estar e qualidade de vida ao seu bicho de estimação, depende inteiramente de você. Portanto, antes de mais nada, o leve ao médico veterinário especialista em nutrição animal.
Somente assim você será capaz de oferecer o melhor e ideal ao seu pet.

Caso conheça alguém que tem a mesma dúvida referente a tornar o cachorro vegano ou alimentar com comidas naturais, que tal compartilhar esse artigo? Assim, não apenas o seu cão, você ajudará outros mais.

S.O.S. CÃOpanheiros

É uma ONG criada em Dezembro/99, CNPJ: 07.661.890/0001-21, com o propósito de acolher cães de rua que estejam em estado crítico de saúde, extremamente debilitados ou em situação de risco.

SAIBA COMO NOS AJUDAR!

Inscreva-se como associado do S.O.S. Cãopanheiros ou pelo telefone (021) 99766-1180. Passe a receber as noticias e contribuir para a ONG, efetuando depósito mensal em uma de nossas contas.