Contato
Home >> Blog

Acupuntura canina: Entenda como funciona esse procedimento!

Cachorro recebendo tratamento com acupuntura

Melhor que medicamento são os tratamentos alternativos e naturais, sendo um dos mais procurados: a acupuntura canina. Esse método, oriundo da medicina tradicional chinesa, é de uso comum aos humanos. Se mostrando uma técnica segura e benéfica.

O uso de agulhas para prevenção, tratamento e identificação de enfermidades têm sido essencial. Já que esse objeto é capaz de restabelecer o equilíbrio do organismo.

Assim, a acupuntura para cães tem ganhado espaço no universo pet e garante oferecer melhoria à qualidade de vida e bem-estar do seu animalzinho. Portanto, por que não conhecer mais sobre essa técnica e suas vantagens?

Como funciona a acupuntura canina

Tratamento de acupuntura canina Fonte: Hora de passeio

Assim como em humanos, a acupuntura canina se trata da aplicação de agulhas em regiões consideradas áreas de energias que percorrem pelo corpo e influenciam no equilíbrio do organismo. Essas chamadas de Qi ou chi.

Em síntese, esse procedimento visa a melhoria do corpo do animal por si próprio. Apenas atingindo os pontos corretos das terminações nervosas, é possível estimular a circulação sanguínea, a produção de substâncias analgésicas e anti-inflamatórias e melhorar o funcionamento do sistema nervoso.

Para tanto, essa técnica só deve ser realizada por um profissional acupunturista. Visto que, da mesma forma que é vantajosa, pode ser prejudicial se feita de maneira inapropriada.

O início da acupuntura canina dependerá da análise dos sintomas, idade, personalidade e ambiente em que o cachorro vive, realizada pelo médico veterinário. Isso porque é capaz de auxiliar no tratamento de problemas fisiológicos e comportamentais.

Após essa etapa, seu pet será encaminhado ao acupunturista. Tendo a primeira sessão mais lenta, pois serão perguntadas algumas questões referentes ao seu bicho de estimação.

Nas sessões seguintes, seu cão estará mais habituado ao local e o profissional já o conhecerá melhor. Portanto as agulhas serão inseridas, durando em média 40 minutos cada encontro.

É importante ter em mente que a acupuntura pode oferecer alguns efeitos colaterais que se tratam de: sonolência após a sessão, maior frequência para urinar e pequenas gotas de sangue após a retirada da agulha. Apesar disso, não proporciona risco aos animais de estimação.

Além disso, para um melhor resultado, pode ser acrescentado outro tipo de tratamento, como a utilização de: calor, correntes elétricas e pressão. Essas técnicas, assim como a acupuntura serão realizadas até o momento da recuperação total.



Indicação do procedimento

Acupuntura veterinária Fonte: We mystic

Esse procedimento da medicina veterinária é indicado para o tratamento de diversos tipos de problemas de saúde e comportamento. Já que possui diversas vantagens: sendo realizado em animais de qualquer idade e gênero; não originando efeitos colaterais prejudiciais; complementando tratamentos medicamentosos; melhorando a qualidade de vida; e auxiliando no funcionamento do organismo para o estabelecimento de uma vida saudável.

Dependendo do tipo de problema, a acupuntura em cães pode ser caso de vida ou morte, como em situações emergenciais. Algumas doenças que incluem essa recomendação são:

  • Doenças de pele, como alergias e dermatites causadas por lambedura;
  • Doenças endócrinas, de diabetes e tireoide;
  • Distúrbios digestivos e respiratórios;
  • Cânceres e etapas pós-cirúrgicas para reabilitação;
  • Enfermidades neurológicas (paralisia e convulsão);
  • Dores, na coluna, musculares ou causadas por inflamações;
  • Viroses, como a cinomose;
  • Problemas comportamentais, como a depressão e a ansiedade.

Embora seja aconselhado também para problemas comportamentais, em circunstâncias de agressividade canina, esse método não é interessante. Visto que pode causar um trauma no animal. Porém outro método semelhante que atinge os pontos das terminações nervosas é conhecido por “laserpuntura” ou eletroacupuntura, sendo utilizado laser de baixa frequência.

A sugestão desse processo dependerá da avaliação do médico veterinário. Logo não recorra a isso, caso não indicado ao seu cão.

Acupuntura canina: Substituição de remédios

Acupuntura canina Fonte: The body shopy

Em casos de mudanças leves, a acupuntura canina pode tratar uma doença sem o uso de remédios. Entretanto, por vezes, esse procedimento não cura doenças. Isso porque uma de suas funções é auxiliar como complemento na recuperação de problemas físicos e psicológicos.

De modo que é preciso um tratamento com o uso dessa medicinal oriental, juntamente aos procedimentos ocidentais, que visam a utilização de medicamentos.

Sendo assim, essa técnica não é capaz de substituir os remédios. O que mostra a obrigatoriedade de um diagnóstico prévio a esse método. Pois pode acontecer da acupuntura apresentar uma melhora e encobrir uma doença.

Como escolher o profissional correto

Cachorro com médico veterinário Fonte: Portal do dog

Como forma de evitar sofrimento durante o tratamento, muitos donos têm optado pela acupuntura canina. Apesar disso, caso não seja procurado um bom profissional, pode haver piora no quadro da doença ou mesmo o surgimento de algumas complicações.

Por isso, é importante ter em mente que nem todo médico veterinário é acupunturista. Já que, para isso, é preciso ter o Título de Especialização em Acupuntura Veterinária, aprovada pela Associação Brasileira de Acupuntura Veterinária (ABRAVET).

Essa instituição foi criada em 1999. Tendo como objetivo principal conferir e confirmar a qualificação de cursos de acupuntura e seus profissionais.

Dessa forma, verifique se seu veterinário é apto a exercer a função desse tipo de profissional, diagnosticando seu pet e analisando o melhor tratamento à sua doença. Caso o médico do seu animal de estimação não seja, ele pode te aconselhar ou indicar algum acupunturista ou clínica.

Agulhas inseridas no seu corpo ou mesmo na do seu bicho de estimação pode ser intimidante. Contudo a acupuntura para cães é um método que garante o relaxamento e melhoria da saúde do seu pet de modo natural.

 

Se o seu cachorro tem algum problema fisiológico ou comportamental, vá ao hospital veterinário e consulte o profissional. Às vezes esse método pode ser uma boa pedida à saúde e bem-estar do seu amigo.

S.O.S. CÃOpanheiros

É uma ONG criada em Dezembro/99, CNPJ: 07.661.890/0001-21, com o propósito de acolher cães de rua que estejam em estado crítico de saúde, extremamente debilitados ou em situação de risco.

SAIBA COMO NOS AJUDAR!

Inscreva-se como associado do S.O.S. Cãopanheiros ou pelo telefone (021) 99766-1180. Passe a receber as noticias e contribuir para a ONG, efetuando depósito mensal em uma de nossas contas.